As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos.

Diario do Para - http://diariodopara.diarioonline.com.br
28/10/2010
Projetos ambientais do Para sao contemplados

O Pará foi contemplado duplamente na Seleção Pública 2010 do Programa Petrobrás Ambiental (PPA), anunciado na última terça-feira na sede da empresa, no Rio de Janeiro: primeiro com a seleção do projeto "Bicho D'água: Conservação Sócioambiental, do Instituto para Desenvolvimento da Amazônia (Fidesa), que atuará na recuperação/conservação de espécies e Ambientes costeiros, marinhos e de água doce na área de Proteção Ambiental (APA) de Algodoal/Maiandeua e na costa leste da ilha de Marajó.

A segunda contemplação foi no projeto de abrangência regional, que selecionou o projeto de Conservação de Vertebrados Aquáticos do Instituto de Desenvolvimento Sustentável Mamirauá (PA/AM/AC/AP/RR), que atuará no manejo sustentado de espécies de grandes vertebrados aquáticos que habitam as várzeas e igapós das Reservas de Desenvolvimento Sustentável Mamirauá e Amanã.

Dos 928 projetos inscritos, 44 foram selecionados: 13 da região Nordeste, 12 do Sudeste, seis do Centro-Oeste, seis do Sul e cinco da região Norte. Além desses, um projeto tem abrangência regional (Norte) e outro, abrangência nacional. Serão destinados, nesta edição, R$ 78,2 milhões a iniciativas em todo o País.

Os projetos contemplados têm como foco principal uma das três linhas de atuação: gestão de corpos hídricos superficiais e subterrâneos (13 projetos); recuperação ou conservação de espécies e ambientes costeiros, marinhos e de água doce (15 projetos); e fixação de carbono e emissões evitadas (16 projetos). Todas as iniciativas devem promover educação ambiental, visando o consumo consciente, a eficiência energética e a conservação de recursos naturais.

De 2008 a 2012, serão investidos R$ 500 milhões nas ações estratégicas do Programa, que incluem: investimentos em patrocínios a projetos ambientais; fortalecimento das organizações ambientais e de suas redes e disseminação de informações para o desenvolvimento sustentável.

Durante a cerimônia, o Projeto Tamar foi homenageado por seus 30 anos de trabalho para conservação das tartarugas marinhas, dos quais 28 anos são de parceria com a Petrobras.

O presidente da estatal, Sérgio Gabrielli, informou que a Petrobras irá liderar a descoberta de petróleo nos próximos anos. Dessa visão, vem a percepção de minimizar cada vez mais os impactos ao meio ambiente, com uma preocupação de evitar acidentes e de aumentar a eficiência.

Segundo Gabrielli, um dos objetivos do Programa é contribuir para que a sociedade civil se organize e possa implementar ações para melhorar as condições ambientais.

http://diariodopara.diarioonline.com.br/N-117540-PROJETOS+AMBIENTAIS+DO+...