As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos.

ICMBio - http://www.icmbio.gov.br
17/10/2012
Jericoacoara ja planeja operacao reveillon

A equipe gestora do Parque Nacional de Jericoacoara, no litoral oeste do Ceará, já planeja a Operação Réveillon 2012-2013, que será realizada entre os dias 28 de dezembro e 5 de janeiro. O objetivo é ordenar a visitação e demais atividades de uso público na unidade de conservação (UC) durante esse período, quando ocorre um aumento considerável no número de turistas que procuram as praias de Jericoacoara para a passagem do ano.

A operação será coordenada pela equipe de fiscais do parque e contará com o apoio da Coordenação Geral de Proteção (CGPRO) do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), em Brasília, que enviará dois agentes para apoiar as atividades de fiscalização. Policiais militares da Companhia de Polícia Militar Ambiental (CPMA) do Ceará também participarão das ações.

Segundo o chefe do parque, o analista ambiental Wagner Elias Cardoso, a operação terá caráter fundamentalmente educativo, por meio da orientação aos visitantes sobre a conduta adequada no interior da unidade, de modo a conservar o patrimônio natural. "Mas, caso sejam flagrados ilícitos ambientais, os infratores poderão ser autuados, conforme prevê a legislação em vigor", alerta ele.

Ainda segundo Cardoso, durante a operação, serão distribuídos materiais educativos aos visitantes, para informá-los sobre as normas gerais da unidade, como rotas de acesso à Vila de Jericoacoara e atividades permitidas ou proibidas no interior do parque.

Os fiscais darão atenção especial ao fluxo de veículos motorizados dentro do perímetro do parque, bem como a circulação dos visitantes pelas dunas, lagoas e trilhas. A ideia é evitar danos aos ecossistemas protegidos pela unidade de conservação, como o campo de dunas móveis do tipo "barcana" (em forma de meia-lua), que são muito sensíveis a impactos causados pelo tráfego de veículos e circulação de visitantes.

http://www.icmbio.gov.br/portal/comunicacao/noticias/20-geral5/3415-jeri...