As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos.

ICMBio - http://www.icmbio.gov.br/
08/12/2014
ICMBio combate crimes ambientais em parque nacional

O Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) promoveu em novembro uma operação de fiscalização para combater crimes ambientais dentro do Parque Nacional do Caparaó (ES) e no entorno da Unidade de Conservação (UC). A ação, que aconteceu entre os dias 14 e 17, foi realizada pela primeira vez de forma integrada com o Ibama e Polícia Militar Ambiental do Espírito Santo.

"É a consolidação de uma parceria que aumenta a presença dos órgãos ambientais dentro do nosso Parque e nas regiões que ficam no nosso entorno. Essa ação foi desenhada para acontecer de forma integrada, algo que não acontecia há muito tempo. Com o trabalho em equipe, cada instituição desenvolveu suas competências, que são distintas, porém complementares com sucesso", comemorou Anderson de Oliveira Nascimento, chefe do Parque Nacional.

A fiscalização teve foco estratégico na caça, extração de palmito, captura e cativeiro irregular de aves e construções ilegais em áreas de proteção permanentes. Durante os três dias de operação, foram apreendidas 30 aves silvestres, fechados dois criadouros ilegais e apreendidas quatro armas de caça.

"A ação foi muito bem avaliada por nós, do ICMBio, pelo Ibama e pela Polícia Militar Ambiental. O resultado do trabalho antes, durante e depois, ou seja, planejamento, execução e avaliação da operação, foi bastante positivo. Mostrou que se não houver presença dos órgãos competentes no entorno, fica complicado coibir os ilíticos ambientais dentro do Parque", finalizou Nascimento.

A operação de fiscalização compreendeu toda a parte capixaba da Unidade de Conservação e chegou aos municípios Dores do Rio Preto, Divino de São Lourenço, Ibitirama, Irupi e Iuna.

Sobre o Parque Nacional do Caparaó

O Parque Nacional do Caparaó foi criado em 24 de maio de 1961 pelo decreto federal no 50.646 e possui de 31,8 mil hectares de área. Ocupa cinco municípios do lado capixaba e quatro do lado mineiro. É um dos destinos mais procurados pelos adeptos do montanhismo, abrigando cinco dos dez picos mais altos do país, com destaque para o terceiro ponto mais alto do Brasil, o Pico da Bandeira, com 2.892 metros de altitude.

Além das trilhas, os visitantes podem se deliciar com banhos em cachoeiras e piscinas naturais, observar deslumbrantes visuais da Serra do Caparaó e região com belos espetáculos no alvorecer e no pôr do sol.

http://www.icmbio.gov.br/portal/comunicacao/noticias/5462-icmbio-combate...