As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos.

ICMBio - http://www.icmbio.gov.br/
14/07/2015
Estudantes fazem viagem de campo a Reserva Biologica do Tapirape

Alunos permaneceram na Reserva por quatro dias

Alunos do curso de bacharelado em Ciências Biológicas, do Instituto de Estudos em Saúde e Biológicas (IESB), realizaram uma viagem de campo à SerraReserva Biológica do Tapirapé - unidade de conservação administrada pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) localizada no Pará, como parte dos conteúdos da disciplina Prática de Pesquisa I.

Os alunos permaneceram na Reserva por quatro dias, pondo em prática os conceitos aprendidos em sala de aula, e realizando coleta de insetos, peixes e pequenos mamíferos. Os insetos coletados estão sendo triados e identificados no laboratório pelos alunos, assim como os peixes.

Neste grupo foram encontradas espécies que indicam novas ocorrências para a região. O registro delas demonstra a potencial diversidade da fauna preservada na Reserva. O grupo de alunos pôde, ainda, avistar uma onça pintada na margem do rio durante uma ida aos pontos de coleta, além de poderem ter apreciado uma diversidade de espécies e de diferentes ambientes.

Esta atividade foi possível graças ao convênio firmado entre Unifesspa e ICMBio, além do empenho do chefe da Rebio do Tapirapé, Raimundo Façanha e da analista ambiental da Reserva, Walcicléa Cruz, além do empenho das professoras do curso de Ciências Biológicas, Raquel Ribeiro, Cibelle Moreira e Alessandra Rezende, Cristiane Cunha (FECAMPO) e Sheila Gordo (Curso de Ciências Naturais) e dos guardas florestais que foram destacados para acompanhar esta atividade na REBIO do Tapirapé.

Sobre a Rebio do Tapirapé

O Sudeste Paraense possui um conjunto de unidades de conservação federais administradas pelo ICMBio, a saber: as Florestas Nacionais de Tapirapé-Aquiri, Itacaiúnas e Carajás, a Área de Proteção Ambiental (APA) do Igarapé Gelado e a Reserva Biológica (REBIO) Tapirapé, que juntas totalizam pouco mais de 800 mil hectares de áreas protegidas.

A Reserva Biológica Tapirapé, criada em 1989, abrange uma área de 103 mil hectares, e é a única unidade de proteção integral da região, isto é, uma área especialmente protegida, destinada a preservação de uma parcela da Floresta Amazônica.

A Reserva Biológica é destinada exclusivamente para a realização de atividades de pesquisa e educação, sendo que a pesquisa depende de autorização prévia do ICMBio via SISBIO. Saiba mais sobre as outras categorias de unidades de conservação federais, clicando aqui.

http://www.icmbio.gov.br/portal/comunicacao/noticias/20-geral/6892-estud...