As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos.

Seculo Diario - http://www.seculodiario.com.br/
19/09/2016
Chuva pode ter apagado incendio no Parque Nacional do Caparao

O incêndio na área do Parque Nacional do Caparaó (Parna) teve início na madrugada desse sábado (17) e as equipes começaram a chegar no local às cinco da manhã. Funcionários do parque, voluntários da região, brigadistas e os bombeiros foram chegando em seguida. Até o domingo, (18), a operação contou com apoio do Batalhão de Operações Aéreas (BOA) do Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais.

O fogo começou em uma propriedade particular no município de Alto Caparaó/MG e depois se alastrou para uma região de floresta dentro do Parna. Mas não atingiu área de visitação e o atendimento ao público seguiu normalmente durante o fim de semana.

O incêndio chegou a ser declarado como fora de controle, mas, 48 horas após ter iniciado, a chuva, providencial, parece tê-lo estancado definitivamente. As equipes estão no local fazendo o chamado "rescaldo", que é lançar água sobre a área queimada, para checar se ainda não há riscos do fogo voltar. Até o final do dia os Bombeiros irão anunciar formalmente como está a situação.

É o segundo incêndio dentro do Parna Caparaó neste mês de setembro. O anterior aconteceu na semana passada, no lado do Espírito Santo, município de Iúna.

O Parna está localizado na Serra do Caparaó, na divisa dos estados de Minas Gerais e Espírito Santo, e abriga o terceiro ponto mais alto do País, o Pico da Bandeira, com 2.892 metros de altitude. Além dele, estão na Unidade de Conservação (UC) cinco dos dez picos mais altos de todo o território nacional. A unidade abrange um território de aproximadamente 31,8 mil hectares, sendo cerca de 80% no território capixaba.

http://seculodiario.com.br/30625/10/chuva-pode-ter-apagado-incendio-no-p...